Tag - como melhorar a qualidade de vida

1
Saúde e bem-estar nas empresas é sinal de produtividade
2
Como ser mais feliz?
3
Saiba como evitar o stress
4
Como melhorar seu desempenho no esporte?
5
Os 5 R´s da qualidade de vida
6
Como ter altos índices de responsabilidade e ser mais realizador(a).

Saúde e bem-estar nas empresas é sinal de produtividade

A  possibilidade de melhoria da qualidade de vida, da satisfação e do engajamento dos colaboradores por meio de programas que contenham informações e estimulem a prática de técnicas para prevenção de doenças mais graves e de acidentes de trabalho, promovem o aumento da produtividade, do engajamento da equipe e da lucratividade das empresas. Os locais de trabalho saudáveis eliminam ou controlam os fatores de risco da saúde física e psicológica, promovendo o bem-estar. Além disso, pesquisas apontam que os funcionários  das empresas que promovem a saúde e bem-estar estão mais de 3(três) vezes mais propensos a indicarem tal organização como estimuladora de inovação e criatividade. Isso pode parecer algo muito distante da nossa realidade, mas saiba que não é.  Grande parte de empresas, sobretudo nos EUA  já possuem esse tipo de projeto de qualidade de vida, saúde e bem-estar no calendário anual, além de programas de coaching e de prevenção do estresse. E no Brasil isso já é algo acessível e que vem ganhando adesão de diversos ramos e portes de empresas.

Aproveito para compartilhar a  visão do Instituto Nacional de Qualidadedo Canadá: “A noção de saúde e bem-estar no local de trabalho progrediu significativamente nos últimos anos. Os atuais sistemas holísticos de saúde no local de trabalho fornecem apoio em muitos níveis – físico, social, pessoal e do desenvolvimento – para melhorar a qualidade de vida geral dos funcionários, tanto dentro quanto fora do local de trabalho”.

A conscientização por meio de informações e dos conhecimentos proporcionados, das experiências e troca entre elas, da prática positiva de atividades físicas, de atividades mente-corpo como meditação ativa, mindfulness, de oficinas de alimentação saudável, de palestras, de terapias alternativas, do exercício do riso, dentre  outras, promovem um estilo de vida mais saudável e uma empresa melhor para se trabalhar, com pessoas focadas e em constante evolução. Isso tudo proporciona diversos benefícios, tanto para as empresas quanto para os profissionais.

Esse é o foco do trabalho da Isabela Capelão, na Meus Miolos. Esses programas, quando associados a um projeto de coaching  para o desenvolvimento de competências gera uma grande transformação nos profissionais, nos  líderes e no negócio. Os programas são personalizados e voltados para atender às necessidades de cada empresa,  com o intuito de estimular o bem-estar e a qualidade de vida no ambiente de trabalho, de prevenir o estresse laboral e suas consequências. E dessa maneira, aumentar a lucratividade das empresas, reduzindo custos desnecessários, como de turn-over e do absenteísmo.

Veja a seguir um vídeo que ilustra um pouco esse conceito da saúde e bem-estar no ambiente de trabalho.

 

Como ser mais feliz?

 

Uma frase que eu gosto muito é aquela que diz que ” a felicidade não é um ponto de chegada e sim o próprio caminho”. E muitos esperam chegar à tal felicidade quando comprarem uma casa, quando fizerem a viagem dos sonhos, quando casarem, quando conquistarem uma promoção no emprego… e poraí vai. Então, as pessoas esperam alcançar algo, o sucesso, para então ser feliz. Porém, funciona de modo contrário.

A busca da felicidade é um dos objetivos fundamentais do ser humano, ou seja, uma busca universal, por isso, a ONU decidiu proclamar 20 de março como o Dia Internacional da Felicidade. Em todo o mundo, esse dia é de reflexões, de maneira a proporcionar um desenvolvimento humano sustentável, com foco no bem-estar de indivíduos, comunidades e países.

Há algumas décadas, estudiosos de diversas universidades, com destaque para as Universidades da Pensilvânia e de Harvard, se empenharam em estudos sobre a felicidade. Neste período, Martin Seligman e outros pesquisadores fundaram a psicologia positiva e o conceito do florescimento humano. Então, a felicidade passa a ser objeto da ciência (o que eu considero o máximo!) e também índice para análise de desenvolvimento político, econômico e social de nações em todo o mundo.

E tudo o que eu venho aprendendo sobre esse movimento da felicidade e da psicologia positiva, foi, a princípio, com o livro “Felicidade autêntica” , de Martin Seligman, com o livro “O jeito Harvard de ser feliz” , de Shawn Achor e com a Flora Vitória, da SBCoaching, declarada Embaixadora da felicidade no Brasil.  Acho essa mulher muito inspiradora!

Afinal, o que é a psicologia positiva? Leia Mais

Saiba como evitar o stress

O dia 23 de setembro foi instituído como a data de combate ao stress, sobretudo para conscientizar as pessoas e organizações das consequências e dos sintomas do stress vivenciado de forma negativa e para enfatizar a importância da prevenção, para que não alcance o seu nível mais alto, ou seja, a síndrome de burnout (estafa, exaustão) ou que não seja o fator causador de doenças crônicas e/ou desastres que podem impactar indivíduos e organizações.

O stress tornou-se uma das principais preocupações da sociedade, um dos males do século. Não tem como eliminar todos os momentos de stress da nossa vida, pois ele pode ser um mecanismo de defesa muito importante e muito útil, quando utilizado no momento adequado.

As novas tecnologias, principalmente com o uso da internet, estão mudando nossas vidas diariamente, trazendo mais praticidade e rapidez, mas ao mesmo tempo perda de foco e stress. Quando focamos em informações demais, esse grande acúmulo é armazenado involuntariamente em nossas mentes.

A maioria das pessoas se adapta a essa vida estressante, a essa maneira de agir e pensar e considera isso normal ou até mesmo necessário. Importante pensar que existe uma diferença entre pensar e agir de maneira estressante e realmente ter uma vida cheia de fatores estressores. Leia Mais

Como melhorar seu desempenho no esporte?

Este texto é uma contribuição exclusiva do Dr. Cristiano Miranda, médico especialista em cardiologia, pós graduado em psicologia e medicina integrativa, formação em coaching e medicina chinesa.

Não consegue melhorar seu desempenho no esporte? Está difícil melhorar a composição corporal?

Estas situações eu encontro todos os dias no meu consultório de cardiologia e medicina esportiva.

O impressionante é que muitas pessoas procuram o caminho mais rápido e mais perigoso; como os anabolizantes, para melhorar seu desempenho e sua composição corporal (hipertrofiar). Existem consequências sérias para saúde, além de diversas pesquisas científicas mostrarem resultados controversos em relação aos esteroides anabolizantes e o desempenho esportivo. Leia Mais

Os 5 R´s da qualidade de vida

Depois de alguns pedidos, eu criei uma técnicas super simples e natural, que engloba um pouco de cada metodologia utilizada nos programas de gestão do stress e da ansiedade.
O objetivo é amenizar os riscos de doenças graves e crônicas, para promover a saúde tanto no meio organizacional quanto para as famílias e doentes viverem com mais qualidade.
Então prepare-se e pratique!

Técnica 5 R´s

A técnica dos 5 R´s da qualidade de vida é composta pelos seguintes passos:
– Respirar: aprenda a respirar adequadamente através do diafragma e faça 5 respirações profundas, prestando atenção no ar entrando e saindo.
– Receber: receba o que vier para você com gratidão, sem julgamentos ou cobranças: se forem pensamentos, deixo-os ir, se forem acontecimentos busque aprender, sem questionar; aceitação não é passividade e sim libertação.
– Rir: aprenda a rir e dê boas risadas, hahaha/ hehehe / hihihi …. deixe os dentes aparecerem, sem economizar.
– Refletir: reflita sobre como se sentiu com essas práticas, a interação corpo e mente, observe-se, tome consciência de si nesse momento.
– Repetir: a repetição que vai fazer dessa prática um hábito, por isso é extremamente importante praticar todos os dias, iniciando por 5 minutos e depois 10 e assim sucessivamente.

Compartilhe essa técnica para que todos se beneficiem e vivam de forma leve e feliz.

Como ter altos índices de responsabilidade e ser mais realizador(a).

 

Hoje o papo aqui é comprometimento, autorresponsabilidade, accountability. Essas três palavras não são necessariamente sinônimos, porém acredito que se complementem, estão interligadas.

Uma das habilidades mais valorizadas no mercado de trabalho e dentro das empresas é o comprometimento, essencial para um bom profissional. Pessoas comprometidas fazem o seu melhor todos os dias, possuem o tal “sentimento ou espírito de dono”, se responsabilizam por suas ações.

Accountability é como se fosse uma responsabilidade global, como por exemplo um líder que é responsável pelos seus resultados, pelos seus atos e por seus subordinados ou pais que são responsáveis pelas suas atitudes e pelo comportamento dos filhos crianças.

  • O que faz uma pessoa sair simplesmente do que é obrigada a fazer e fazer o algo mais, acontecer?

– O propósito de vida bem claro e o autoconhecimento;

– Quando a pessoa percebe o impacto que a sua ação pode gerar nos outros, seja negativo ou positivo, pode motivá-la a agir de maneira mais proativa;

– Quando houver uma maior consciência por parte da pessoa que quando um ganha, o outro também pode ganhar e não necessariamente o sujeito que ganha está “dando rasteira ou pernada” em alguém.

Existem muitas crenças culturais envolvidas nesse contexto e é importante confrontá-las, questioná-las, para que você não seja apenas mais uma vítima da sociedade……

E quais seriam algumas ações para se tornar mais comprometido, autorresponsável ou desenvolver a habilidade de accountability? Leia Mais

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.