Coaching

Coaching para líderes, empresários e executivos
Coaching para o gerenciamento do stress
Assessment Alpha

1
O que é autoeficácia e como promovê-la
2
Competências fundamentais para o enfrentamento da crise
3
Como manter a produtividade trabalhando em casa
4
Você deseja mudar completamente de carreira?
5
Você mulher, deseja alcançar um cargo de liderança?
6
Você mulher, deseja empreender?
7
Mentalidade Rica x Mentalidade Pobre
8
9 dicas para você conquistar o que deseja em 2020
9
Como iniciar um negócio
10
Qualidade de Vida no Trabalho: um investimento que vale a pena

O que é autoeficácia e como promovê-la

Você já duvidou da sua capacidade em concretizar seus sonhos e projetos? Já se sentir insuficiente ou incapaz de realizar as metas propostas?

Em alguns momentos é natural sentirmos dificuldade em definir objetivos e agir para conquistar sucesso em um futuro próximo.  Então,  é importante ter conhecimento sobre o que é a autoeficácia e como desenvolvê-la em prol dos nossos objetivos.

A autoeficácia é a característica que nos estimula a alcançar um determinado objetivo, a atingir a alta performance e obter resultados cada vez melhores, é o que acreditamos sobre a nossa capacidade de realizar metas. O conceito vem da teoria social cognitiva, criada pelo professor da Universidade de Standford Albert Pandura. Então, autoeficácia é o julgamento que cada pessoa faz da própria capacidade em realizar ações específicas. Segundo ele, a crença nas próprias capacidades podem influenciar as pessoas emocionalmente e motivá-las a concretizar ou não. Afeta a forma como o individuo pensa, sente e se comporta. Leia Mais

Competências fundamentais para o enfrentamento da crise

Com a pandemia se alastrando  pelo país, muitas pessoas temem perder o emprego e a renda. “Quais são as habilidades e competências fundamentais para os profissionais enfrentarem a crise e continuarem no mercado?”, é uma pergunta recorrente. Nos últimos 100 anos o Brasil não enfrentou nada similar, na qual a humanidade lida com algo desta magnitude. Diante disso, uma coisa é certa: o coronavírus mudou e vai transformar ainda mais as formas de se trabalhar e os modelos de negócios. Ainda assim, a história prova que o homem é um ser capaz de se adaptar.

É hora de todos se desenvolverem e de se reinventarem. A partir de agora, há uma necessidade diferente das empresas e dos consumidores. Por isso, os profissionais e empresários precisam se adequar a essa nova dinâmica de trabalho. Adotar novos hábitos, desenvolver novas competências, comunicar-se assertivamente, adequar os modelos de negócios e de gestão, da infraestrutura e a relação com as tecnologias, tornou-se fundamental a partir de agora.

A crise, de proporção global, surpreendeu empresas dos mais diversos tamanhos e setores. A conjuntura atual exige novas maneiras de pensar e de se comunicar no ambiente corporativo. Surgem  demandas por novas formas de trabalho como intranets empresariais, ferramentas de conferência online,  plataformas colaborativas. Além disso, a situação atual exige uma adequação das empresas, da maneira de vender e de entregar produtos e serviços. É a disrupção do ambiente físico para o digital. O mundo já mudou! Leia Mais

Como manter a produtividade trabalhando em casa

A vida de qualquer pessoa muda drasticamente diante de uma situação dessas que estamos vivendo de pandemia. Na verdade, a vida da sociedade está mudando. É um momento de preparo para um novo mundo, mais dinâmico, mais VUCA (acrônimo para volatility, uncertainty, complexity and ambiguity – no português, volátil, incerto, complexo e ambíguo).

No mundo corporativo, trabalhar em home office virou a realidade de grande parte dos profissionais e alguns problemas podem se potencializar, como por exemplo as dificuldades de gerenciamento das atividades e do tempo, a baixa produtividade e a falta de motivação.

Porém não podemos confundir home office com day off, ou seja, um dia de folga. Num dia de folga, as pessoas ficam de pijama , tomam café enquanto escrevem e leem os e-mails , almoçam e tiram um cochilo depois… e lá se foi um dia de trabalho com baixíssima produtividade. Com o trabalho realizado à distância torna-se mais difícil controlar as ações e os resultados dos funcionários, o que exige um alinhamento maior entre os colegas da equipe e seus líderes.

Essa é a hora das pessoas, sobretudo quando funcionários de uma empresa, demonstrarem ainda mais responsabilidade, autonomia, disciplina, resiliência e comprometimento. Duas características são essenciais para dar certo: confiança e colaboração. Se não existe confiança, aumenta a necessidade de controlar, o que demanda tempo e gera estresse para ambas as partes. Leia Mais

Você deseja mudar completamente de carreira?

Se você está infeliz com a sua atual área de atuação profissional, e ainda não sabe como proceder para colocar essa mudança em prática, é importante se planejar.

Se você deseja mudar o rumo da sua carreira, o primeiro passo é o autoconhecimento e o alinhamento das ações que vão te levar para onde deseja chegar. Esse processo de transição de carreira pode parecer doloroso no início, e com uma orientação e acompanhamento esse processo fica mais simples.

Muitas vezes, podemos estar submetidos a situações de crise, seja uma doença, uma incapacitação, uma necessidade familiar ou uma pandemia (a qual estamos passando atualmente), onde devemos inevitavelmente nos adequar e efetuar mudanças. O momento pode exigir, por exemplo, uma mudança de carreira compulsória.

Nós, da Meus Miolos, trabalhamos com soluções que te ajudam a aumentar o autoconhecimento e a autoconfiança, desenvolver a resiliência para se reinventar e alcançar os seus objetivos, se aperfeiçoar, e realizar mudanças!

Entre em contato pelo (31)3586.0188 / 9.98580188.
Acompanhe nossos conteúdos cadastrando-se no blog e no canal do Youtube.

Você mulher, deseja alcançar um cargo de liderança?

A cada ano, o mês da mulher ganha mais importância, já que a questão da igualdade de gênero parece estar sendo tratada com a seriedade que merece.

A luta por uma maior presença feminina em todas as áreas da sociedade tem se intensificado a cada ano. De acordo com uma pesquisa da Grant Thornton IBR, no Brasil, somente 19% dos cargos de liderança em empresas eram ocupados por mulheres no ano passado. A taxa fica um pouco abaixo da média do mundo, que foi de 24%. Se olharmos para as mulheres que ocupam cargos de CEO, este número cai bastante: são apenas 11%.

Você, mulher, que possui interesse em alcançar cargos de liderança na empresa onde trabalha, deseja desenvolver competências de liderança, ou pretende ocupar cargos dominados pelo gênero masculino, e não sabe o que fazer. Nós, da Meus Miolos podemos te ajudar a se preparar e desenvolver para alcançar seu objetivo e conquistar posições de destaque e liderança dentro das organizações. Entre em contato pelo (31)3586.0188 / 9.98580188.

E para saber mais, continue acompanhando nossos conteúdos e cadastre-se no blog Meus Miolos e no canal do Youtube.

Você mulher, deseja empreender?

Você tem medo de largar o seu emprego fixo para focar na sua carreira e começar no empreendedorismo, trabalhando com o que realmente gosta? Saiba que se fizer um planejamento orientado isso pode ser possível mais rápido do que você pensa.

Você está tendo dificuldades de conciliar o seu trabalho com as demandas de casa e da maternidade, e está pensando em empreender, mas não sabe por onde começar?

Atualmente, 46% das mulheres já entraram nesse mundo do empreendedorismo, ou seja, o gênero feminino domina quase metade dos negócios próprios. E você, mulher, deseja empreender?

Nós, da Meus Miolos, podemos te ajudar nesse processo, tanto de planejamento quanto de desbloqueios para empreender, ser e conquistar o que desejar! Entre em contato pelo (31)3586.0188 / 9.98580188.
Gostou desse assunto? Comente aqui e acompanhe nossos conteúdos cadastrando-se no blog e no canal do Youtube.

Mentalidade Rica x Mentalidade Pobre

Sua mentalidade é rica ou pobre? Você sabia que o seu direcionamento para a riqueza ou pobreza está relacionado com o que você pensa, acredita e faz?

Uma mentalidade rica é aquela que te empodera, impulsiona e a mentalidade pobre é aquela que te leva para baixo. E isso influencia também na sua capacidade de gerar riqueza. O que faz a diferença é a sua mentalidade, ou seja, o seu mindset.

Pare e pense: você tem usado a sua mente a seu favor? Quanto você está usufruindo e quanto você está multiplicando? E por quê? Leia o texto abaixo e reflita.

Quem tem uma Mentalidade Rica:

  • Investe em desenvolvimento pessoal;
  • Busca constante evolução;
  • Se inspira no sucesso dos outros;
  • Faz planos a longo prazo
  • Investe tempo e esforço em estratégias para render resultados
  • Assume a responsabilidade e aprende com os erros
  • Pensa com abundância
  • Investe para obter rendimentos, usa o dinheiro com sabedoria
  • Acredita que o sucesso financeiro é fruto de empenho

Afinal, uma mentalidade rica indiretamente gera, dentre os benefícios, o enriquecimento financeiro.

Quem tem uma Mentalidade Pobre:

  • Acha um custo alto investir em desenvolvimento pessoal
  • Reclama constantemente
  • Acredita que para os outros é sempre mais fácil
  • Se rende aos prazeres imediatos
  • Faz pouco esforço e quer colher resultados rápidos
  • Culpa os outros e arruma desculpas
  • Pensa com escassez e negativamente
  • A meta é pagar contas, gasta mais do que recebe
  • Acredita que quem conquistou sucesso financeiro foi às custas dos outros

O trabalho da Meus Miolos é lhe ajudar a ter uma mente saudável e direcionada para o sucesso, quebrando crenças e pensamentos limitadores, criando novas maneiras de enxergar as situações e novas estratégias de ação. Depende só de você : deseja ter uma mentalidade rica ou pobre?

9 dicas para você conquistar o que deseja em 2020

O ano de 2019 já vai dando os últimos suspiros rumo ao seu fim, enquanto nós suspiramos ofegantes com a correria típica dessa época.

O fim do ano é o momento de fazer um balanço da nossa vida. Por isso, é importante fazer uma reflexão e algumas ações para evitar frustrações e conseguir resultados positivos no próximo ano.

A Isabela Capelão preparou 9 dicas para você entrar com o pé direito em 2020:

 

AGRADEÇA – Gratidão é uma virtude! A importância de agradecer reforça o fluxo de positividade em sua vida. Antes de pedir em orações, de estabelecer novos planos e metas, de reclamar o que não deu certo, é importante reconhecer e agradecer. Exercer a gratidão pelas pessoas, momentos, situações e acontecimentos geram reforços positivos e aumentam o nível de felicidade e de realização.

 

LISTE OS SEUS DESEJOS. Sim, é importante fazer uma lista de tudo o que você deseja, tanto no âmbito pessoal quanto no profissional.  Colocar no papel, de forma organizada as suas ideias e desejos,  ajuda a especificar e focar nos seus objetivos de curto, médio e longo prazo e a realizá-los.

 

REFLITA E FAÇA UMA AUTOAVALIAÇÃO. Esse talvez seja um dos exercícios mais difíceis para as pessoas. Não é fácil parar para refletir e, muito menos, fazer uma autoavaliação e definir o que precisa mudar. Então, separe um tempo e um local onde possa fazer isso com calma e sem interrupções, escreva num papel. Reflita sobre o seu ano: as ações, as conquistas, os erros, os acertos, os aprendizados, as emoções e tudo que foi experimentado. Depois, analise o que pode fazer diferente da próxima vez, o que aprendeu e o que que precisa desenvolver para conquistar o que deseja.

FAÇA UM PLANEJAMENTO: Planejar requer disciplina. A importância de planejar é super recomendada para qualquer pessoa. Ao se planejar para o médio, curto e longo prazo, você se organiza em objetivos específicos e metas com prazos e ações bem definidos. Por exemplo, se você colocou nos seus planos realizar um intercâmbio para outro país para aprender uma língua em fevereiro de 2021, você passa a lidar com este objetivo de maneira mais organizada e focada. Economiza dinheiro, estuda inglês, entre outras coisas.

Além disso,  um planejamento ajuda no controle da ansiedade e outros sentimentos que acometem muitas pessoas que não sabem lidar com o tempo e com a expectativa do futuro. É importante lembrar que só podemos planejar aquilo que está sob nosso controle, pois não conseguimos ter controle sob os outros ou sob imprevistos.

  DEFINA SUAS METAS E PRIORIDADES:  Estipular metas nos estimula e ajuda a superar desafios. A partir do que você deseja, defina metas , que é o passo-a-passo necessário para você alcançar os resultados esperados. As metas devem ser SMART, ou seja, específicas, mensuráveis, atingíveis, relevantes, e com prazo determinado.

Leia o texto sobre Metas Smart.

 Defina as prioridades para cada caso, ou seja, o que é mais importante. Realizar isso por meio de uma matriz de prioridades é o caminho certeiro. Escreva as atividades e ações que compõem cada meta e determine o grau de importância e urgência.

IDENTIFIQUE OS SEUS APRENDIZADOS: Este é outro exercício de autoconhecimento. Aprender com o passado, reconhecer aquilo  que deu errado e o que deu certo, o que você sabe e o que não sabe, identificar suas competências atuais e aquelas que serão necessárias para as conquistas futuras e valorizar as pequenas vitórias. Aprender é amadurecer e somos eternos aprendizes, estamos em constante desenvolvimento.

Leia Mais

Como iniciar um negócio

Para quem está montando um negócio , o mais importante inicialmente é fazer um planejamento estratégico para conduzir as ações,  montar o negócio e obter sucesso. Mais de 70% das empresas que fecham suas portas, tem como causa principal a falta de planejamento estratégico.

Existem algumas ferramentas que podem ajudar , como  o Canvas e o 5W2H. E a partir desse planejamento são criadas metas e objetivos Smart ( específico, mensurável, atingível, relevante, temporal) e os planos de ação.

O autoconhecimento é fundamental, assim como ter bem claro o seu propósito alinhado ao negócio. Mesmo sabendo que o objetivo é  obter ganhos financeiros, é importante identificar o impacto que esse negócio tem na sua vida, pois isso vai te manter no trilho e não desistir.

Atualmente existem ferramentas de autoconhecimento e de avaliação de perfil comportamental. E com elas é possível realizar um mapeamento dos perfis complementares,  ajudam a definir um perfil de sócio, de funcionário e inclusive do negócio. Ás vezes a pessoa vai na onda do tipo de negócio que está em alta e acaba se dando mal.

Normalmente, uma pessoa decide abrir um negócio e realizar o que  sabe e gosta de fazer, ou seja, a sua paixão. Porém, a partir do momento que  a pessoa vai construir  uma empresa, ela precisa ser gestor e empreendedor e, diante disso, desenvolver algumas habilidades e competências. Empreender é aprender o tempo todo, é ter coragem, é se arriscar, é dedicar-se e desenvolver uma mentalidade empreendedora.

Algumas perguntas a fazer para quem está abrindo um negócio é:  onde deseja chegar (montar um planejamento de curto, médio e longo prazo) , qual o capital necessário para manter esse negócio durante um tempo e estruturar o negócio. É importante também identificar os fatores críticos de sucesso, ou seja, o que pode impedir que os seus planos se concretizem, quais serão os seus desafios e os recursos que você tem e os que serão necessários para enfrentá-los.

Um processo de coaching ou  uma consultoria auxiliam muito o empreendedor nesse momento de abrir um novo negócio, inclusive quando se tem dúvida de qual tipo de negócio investir.

Leia o texto completo no link abaixo, que foi publicado com exclusividade no Jornal Tudo BH, na página 17 da seção de Capacitação, no dia 9 de novembro de 2019 e que teve a contribuição da Isabela Capelão, coach de negócios.

TDBH_Como começar

 

Qualidade de Vida no Trabalho: um investimento que vale a pena

Não é de hoje que as empresas buscam aumentar a sua produtividade. Com o fenômeno da Globalização a partir dos anos de 1980, os avanços dos sistemas de informação na década de 1990 e a chegada veloz da era digital na última década, os anseios e metas das organizações aumentaram em grau de cobrança. Esse ritmo alucinante, sinal dos tempos, demanda também maior participação e empenho dos trabalhadores nos processos organizacionais. Mas quando tocamos neste ponto, não se pode descartar que humanos não são máquinas e, por isso, a qualidade de vida no trabalho (QVT) é um tema que ganha cada vez mais relevância neste cenário.

O que exatamente pode ser chamado de qualidade de vida no trabalho?  E como ela pode influenciar na produtividade e na motivação do colaborador,  na lucratividade e na competitividade da empresa ?

Dados apontam que, para o ambiente se tornar mais leve e saudável para todos, as empresas precisam promover ações que aumentem a interação entre seus colaboradores, que elevem o espírito de equipe, que promovam o desenvolvimento e a capacitação do indivíduo. Isso envolve um processo humanizado e transparente na comunicação, que apoie e valorize os colaboradores.  Nesse sentido, os dados divulgados  demonstram que as empresas citadas investem bastante na capacitação de seus colaboradores e 85% oferecem coaching.

Leia no link abaixo o texto completo no Jornal Diário de Comércio, publicado na página 2 de hoje, dia 10 de dezembro de 2019, com exclusividade.

Qualidade de vida no trabalho: investimento que vale a pena

 

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.