Tag - como desenvolver o cérebro

1
Seis dicas para você ler mais
2
5 dicas para potencializar o seu cérebro

Seis dicas para você ler mais

A leitura é uma importante fonte de conhecimento, de estímulo da imaginação, de entretenimento  e proporciona benefícios para o nosso cérebro e para a nossa saúde mental.

Isso muita gente já sabe! Afinal, quem nunca estipulou para si mesmo ler mais no próximo ano, durante a quarentena e em outras datas específicas ?

O hábito de leitura envolve aprendizagem, exercita o nosso cérebro, ajuda no desenvolvimento de habilidades, como a escrita, aumento do vocabulário, da criatividade e expande as perspectivas. Além disso – pasmem- a leitura é uma maneira de reduzir o estresse. Uma atividade com múltiplas funções e benefícios!

Mas, afinal, como desenvolver esse hábito tão positivo da leitura para ler mais?

Seguem abaixo seis dicas que vão te ajudar!

  1. ) Estabeleça um horário do dia e um período de leitura, ou seja, durante quanto tempo vai ler e em qual horário.
  2. ) Escolha um lugar confortável e longe de distrações, pois isso ajuda a aproveitar melhor a leitura e você vai poder viajar no texto.
  3. ) Comece a ler utilizando estilos de livros do seu agrado e lembre-se de ler o prefácio e os textos de apoio, pois podem te ajudar a compreender melhor o que vai encontrar lá dentro.
  4. ) Os livros de contos e crônicas são uma boa pedida para quem está começando, pois normalmente os capítulos são mais curtos e independentes um do outro.
  5. ) Para quem está precisando ou querendo ler livros clássicos da literatura, o ideal é optar por uma tradução e uma edição mais atualizada.
  6. ) Saiba que leitura é educação e prática. Ninguém nasce leitor.

Que tal  começar a botar os miolos para trabalhar e escolher o próximo livro?

5 dicas para potencializar o seu cérebro

A ginástica cerebral proporciona diversos benefícios, como o estímulo e o desenvolvimento de habilidades, tirando o cérebro da zona de conforto e o mantendo em constante aprendizado. Isso ajuda a prevenir doenças neurodegenerativas e alivia o stress.

A ginástica para o cérebro tem base na neurociência e estudos da neuroplasticidade cerebral, que é a capacidade que nosso cérebro tem de se modificar conforme os estímulos recebidos para se adaptar às exigências do ambiente.

Aquela velha crença de que nascemos com um determinado número de neurônios e que ao longo da vida vamos perdendo, é  falsa. É correto afirmar que há  um declínio no número de neurônios, porém o nosso cérebro continua sendo moldável, ou seja, continua sofrendo mudanças ao longo da vida e é possível desenvolver mais neurônios, o que tem relação com as necessidades exigidas pelo ambiente e nossos recursos para enfrentá-las.

E como fazer isso? Leia Mais

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.