Síndrome de Burnout x Síndrome de Boreout

Comentamos muito aqui sobre a Síndrome de Burnout, porém é interessante olhar o outro lado também: a Síndrome de Boreout.

Enquanto o Burnout ocorre a partir de uma exaustão mental devido ao fluxo de trabalho estressante e intenso; o Boreout, ao contrário, ocorre quando o indivíduo sofre por falta de serviço, desânimo e apatia.

Na Síndrome de Burnout, o estresse e o esgotamento físico são resultantes de situações de trabalho desgastantes, que demandam muita competitividade ou responsabilidade. Além disso, é considerada uma doença. segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde).

Alguns sintomas característicos são: estresse devido ao acúmulo ou à pressão no trabalho; cansaço excessivo físico e mental; dificuldade de concentração e lapsos de memória; sentimento de fracasso e insegurança; alterações repentinas de humor.

Já a Síndrome de Boreout, o tédio é o maior inimigo, o indivíduo se sente angustiado ao ter suas habilidades “desperdiçadas” em um ambiente corporativo que não o valoriza e se mantém passivo diante da situação. Pode desencadear uma depressão.

Alguns sintomas característicos são a desmotivação, apatia e tédio no trabalho; desatenção e distanciamento no trabalho; sentimento de desvalorização; falta de perspectiva na carreira.

Em todas as situações, apesar de muitas questões externas envolvidas, o maior responsável é o próprio indivíduo, por ter dificuldades em lidar com tais situações devido a falta de conhecimento de estratégias  e de recursos internos. Dessa forma, impacta a saúde física, mental, a produtividade e também os resultados e o clima organizacional.

Afinal, entre o Burnout e o Boreout, um ponto de equilíbrio só será possível se as pessoas tiverem canais de comunicação, relações saudáveis, conhecimento e práticas de estratégias para lidar com essas questões.

Por isso, é importante que as empresas busquem alternativas para criar uma escuta com seus colaboradores, invistam em atividades, palestras e programas que aumentem o conhecimento e estimulem a prática de técnicas de gestão do estresse e saúde mental. Aqui na Meus Miolos oferecemos soluções voltadas ao aumento da qualidade de vida, da motivação e na gestão do estresse para as empresas e também atendimentos terapêuticos e de coaching individuais .

Você se identificou com alguns dos sintomas? Então, confira as dicas:
– Reflita sobre o seu trabalho e suas habilidades – tanto a atividade laboral quanto o ambiente e a cultura da empresa;   se as suas habilidades e pontos fortes estão sendo aproveitados na função e na empresa, se existem desafios;
– Identifique o que pode fazer para melhorar: defina como você pode alinhar habilidades e desafios no ambiente de trabalho, se precisa desenvolver habilidades ou mudar de cargo ou função para uma mais desafiadora;
– Se precisar, procure auxílio profissional: tanto para entender o que está acontecendo no ponto de vista do corpo quanto da mente e profissionais que podem auxiliá-lo a sair dessa apatia e tédio, mudar o estado emocional para ir em busca dos seus objetivos.

E você, se identificou com algum desses ? Que tal dar uma reviravolta e viver mais leve e feliz?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.