Saiba porque vale a pena ser otimista

Estamos passando por momentos muito difíceis e por isso é importante enxergar o lado positivo diante das situações, por pior que elas estejam. São nas situações adversas e nos desafios que surgem as melhores ideias e oportunidades.

Segundo estudiosos da psicologia positiva, todos nós carregamos, em maior ou menor grau, traços de otimismo e de pessimismo. Por isso, essas classificações não podem se reduzir a apenas a pensamentos positivos ou negativos, vão muito mais além.

Os otimistas são aquelas pessoas que enxergam os problemas da vida como passageiros e circunstanciais e quando pensam no futuro são mais abertos às possibilidades. Por isso, possuem mais chances de encontrar formas de sobreviver às crises e de criar alternativas para sair delas, independentemente dos acontecimentos ao seu redor. Ao pensarem mais no futuro, os otimistas se tornam mais motivados e enxergam mais oportunidades do que problemas, além de entenderem o passado e as adversidades como uma possibilidade de aprendizado.

Já os pessimistas não conseguem enxergar soluções além do problema ou da crise e percebem as situações como permanentes e não temporárias. Eles normalmente não encontram respostas alternativas e têm uma mentalidade fixa, voltada para o negativismo – acreditando serem realistas. Além disso, eles insistem muito em acreditar na repetição de experiências negativas do passado, culpando o outro pelos seus problemas e, com medo do pior, deixam de acreditar, o que os impossibilitam de encontrar soluções e enxergar oportunidades.

Dê uma olhada no Facebook ou no Instagram e veja nos posts alguns exemplos de atitudes otimistas e pessimistas nos quadrinhos.

Há diversos estudos que comprovam a importância de atitudes otimistas para a saúde e um dos mais relevantes foi divulgado em 2019, pela Universidade de Harvard.

Durante 14 anos os pesquisadores acompanharam milhares de pessoas e os otimistas saíram muito na frente ao apresentarem menores chances de sofrer um problema cardiovascular, além de uma maior expectativa de vida.

Outro exemplo impressionante foi uma pesquisa realizada pela Universidade de Pittsburgh, que ao estudar 238 pacientes com câncer, descobriu que os pessimistas morriam em média sete meses antes dos otimistas.

Além disso, os resultados de uma outra pesquisa mostraram que os pessimistas cuidam menos de sua saúde física, praticam menos esportes e tendem a fumar e beber mais. (GOLEMAN, 1995)

Se você está convencido que precisa ser mais otimista, leia algumas dicas a a seguir:

– Faça um diário de gratidão: anote todos os dias 5 coisas que foram boas naquele dia e aquelas pelas quais você se sente grato. Assim você cria um hábito de observar o lado positivo das situações e deixa de dar ênfase no negativo.

– Ressignifique: analise suas crenças para entender como você interpreta os acontecimentos. Esqueça frases do tipo “não vou conseguir” e troque por “vai correr tudo bem” ou “vou conseguir”. Quando perceber que está com uma visão pessimista, questione-se qual seria a visão de uma pessoa otimista para aquela situação e defina de forma realista a maneira mais apropriada.

– Distribua sorrisos e estimule a risada: comece a sorrir mais, mesmo para as pessoas dentro de casa e pratique risadas diariamente por 10 minutos – inicialmente forçadas se tornarão espontâneas com o treino.

– Dissemine positividade: ao invés de compartilhar informações e notícias ruins- são as que mais dão ibope, compartilhe notícias e informações positivas e animadoras.

– Identifique as oportunidades: muitas pessoas deixam de enxergar oportunidades por focarem apenas no problema. Pense nos aprendizados que você pode adquirir com o problema e abra um leque de possibilidades.

Gostou? Então me responda: as suas atitudes estão mais  voltadas para o otimismo ou para o pessimismo?

Comente neste post outras atitudes que te ajudam a ser mais positivo(a) e se já pratique alguma dessas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.