Múltiplas inteligências: conheça os tipos de inteligência

Muito provavelmente você já ouviu dizer que as pessoas aprendem de formas diferentes. Algumas aprendem através de vídeos, outras em situações práticas e outras apenas ouvindo. Você sabia que isso tem a ver com as múltiplas inteligências?

Após analisar esses tipos de situações, em 1983, o psicólogo Howard Gardner propôs a teoria das inteligências múltiplas que revolucionou a forma como entendemos a inteligência.
Para ele, cada tipo de inteligência representa diferentes formas de processar as informações. Ele também afirma que é praticamente impossível dizer que uma pessoa é “mais inteligente” que a outra, pois, alguém que é bom em cálculos não é necessariamente mais inteligente do que quem consegue se relacionar bem. Isso nos ajuda a entender melhor e respeitar as diferenças.
Conheça os tipos de inteligência:
  • Espacial: Capacidade de compreender o mundo visual com precisão, permitindo transformar, mudar percepções e recriar experiências visuais. Além da facilidade de localização e navegação.
  • Naturalista: Traduz-se na sensibilidade para compreender e organizar os objetos, fenômenos e padrões da natureza.
  • Musical: Habilidade para compor e executar padrões musicais de ouvido, em ritmo e timbre.
  • Lógico-matemática: Capacidade de realizar cálculos, quantificar coisas e a habilidade para para raciocínio dedutivo e solucionar problemas matemáticos.
  • Interpessoal: Capacidade de desenvolver relacionamentos, entender as intenções, motivações e desejos das outras pessoas.
  • Corporal-cinestésica: Maior capacidade de controlar e orquestrar movimentos do corpo.
  • Linguística: Determinada por um domínio pelos idiomas e palavras, facilidade de escrita e por um desejo em os explorar.
  • Intrapessoal: Habilidade de se conhecer e de compreender seus limites, preocupações, de demonstrar autocontrole, domínio dos causadores do estresse e outras emoções.
  • Existencial: Capacidade de refletir e ponderar sobre questões fundamentais da existência.
Você não precisa se sentir fracassado por não ser bom em matemática ou por não ter facilidade em aprender outras línguas. Como mostramos, uma teoria proposta por Howard Gardner, afirma que não existem pessoas mais inteligentes do que outras e sim, múltiplas inteligências.

Além de sermos todos inteligentes, nós também possuímos mais de uma inteligência, em diferentes proporções. Contudo, é importante lembrar que temos uma inteligência predominante, que está relacionada à maneira como cada pessoa processa as informações e adquire conhecimento.

O tipo de inteligência dominante vai influenciar diretamente no aprendizado e no desenvolvimento pessoal e profissional de cada um. E é por isso que é muito importante identificá-la, pois, dessa forma, você poderá estimular, desenvolver e potencializar suas habilidades e, consequentemente, aumentar a sua motivação, autoconfiança e chances de sucesso, além de ampliar suas possibilidades.

Por desconhecimento dos pais dos profissionais de educação, influenciado pela cultura, muitas pessoas estimulam a inteligência inadequadamente e obtém resultados abaixo do esperado mesmo se esforçando muito. Então, comece se conhecendo respondendo às perguntas abaixo e refletindo a respeito:

-Como era o seu comportamento quando criança? Gostava mais de pintar, correr, ou ler?
-O que atrai a sua atenção? Observe quais atividades te interessam mais, sem que haja influência de outras pessoas.
-Em quais disciplinas você tinha/tem mais facilidade? Desde cedo já mostramos mais facilidade para aprender determinadas coisas.
-Como você resolve seus problemas? Confia na intuição ou prefere raciocinar de forma lógica?
-Quais são as atividades que você mais gosta de fazer em seu tempo livre?

E aí, gostou? Então salve, compartilhe ou comente aqui !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.