Mente vazia: oficina do fracasso

Segundo um ditado popular, a mente vazia é a oficina do diabo e eu acredito que é a oficina do fracasso. 

A nossa mente precisa estar ocupada, pois a ociosidade é a porta de entrada para comportamentos e pensamentos negativos. Estar com a mente vazia leva uma pessoa à completa inércia e sem estímulos, o cérebro não trabalha, não tem ideias e nem motivação para agir. Quando não se tem bons pensamentos, objetivos e sentimento de utilidade, abre-se espaço para a criação de crenças limitantes, que levam à estagnação e à falta de objetivos na vida.

Isso não quer dizer que todos os momentos de distração podem nos levar a uma mente vazia, da mesma maneira não quer dizer que devemos estar o tempo todo realizando uma atividade mental. Todos nós precisamos descansar e aliviar a mente, ter momentos de lazer, desde que não sejam uma constante em sua vida. Uma mente vazia provoca desmotivação, insatisfação e pode até tornar tal pessoa “amarga” , depressiva e sem vida.  Além disso, sentir-se útil é uma das necessidades básicas de qualquer ser humano.  Por isso, é interessante encontrar formas positivas de se ocupar, para preencher o vazio com ideias que estimulem a sua evolução, o amadurecimento, o desenvolvimento e a satisfação.

Dizem que nós somos o reflexo ou a média das 5 pessoas com as quais mais convivemos. Será?

Moran Cerf é um professor de neurociência e negócios,  da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos e realizou algumas pesquisas e estudos sobre o comportamento humano, constatando algo interessante.

Segundo o pesquisador, as escolhas e comportamentos das pessoas que convivemos tem um impacto significativo na forma como  interpretamos as experiências. O que ele descobriu foi que, quando as pessoas passam muito tempo juntas, suas ondas cerebrais começam a se parecer, podendo ser idênticas em alguns casos.

Então, se você passa muito tempo com pessoas que são motivadas, otimistas, felizes e que enxergam oportunidades, por exemplo, tenderá a sentir-se dessa maneira. Se você convive normalmente com pessoas que reclamam e só comentam sobre tragedias, pessimistas e que enxergam apenas os problemas, se vitimizam, a tendência é ir também por esse caminho. Pausa para reflexão….

“Duas pessoas que assistem aos mesmos filmes, leem os mesmos livros, compartilham as mesmas experiências e que, além disso, conversam entre si, começam, após duas semanas, a mostrar padrões comuns em linguagem, emoções e até pontos de vista”, explica Moran Cerf. Segundo ele, cérebros humanos se comunicam e imitam padrões uns dos outros. 

Uma das maneiras de desenvolver uma determinada habilidade é rodear-se de pessoas que possuam tal competência e que sejam um exemplo a seguir. Assim, progressivamente você vai desenvolvendo e ampliando suas habilidades. Isso ocorre naturalmente e é chamado de alinhamento cerebral.

Então, se na sua vida você não está acumulando conhecimentos e aprendizados  por meio das próprias experiências e dos relacionamentos, se não tem objetivos e vive uma vida sem propósito,  sua mente vai se tornando vazia, sem evolução e pode até interferir negativamente na vida das pessoas que o cercam. Mas, calma, não precisa se vitimizar! As soluções estão apresentadas aqui, então amplie a sua mente.

“Tem gente que teve experiências muito difíceis, mas possuem essa incrível habilidade de usar o cérebro para reinventá-las ou reinterpreta-las. É uma maneira de sintetizar uma experiência particular ou a sua visão do mundo”, afirma Cerf.

A oficina do fracasso se inicia quando a pessoa passa muito tempo sem utilizar a mente positivamente, ou seja,  voltada para o crescimento e aprendizado. Assim como a mente vazia pode ser prejudicial, tê-la muito cheia, com excesso de preocupações e pensamentos  também não é o ideal. E é nesse momento que percebe-se a importância da prática de meditação ou de mindfulness, que não tem nenhuma relação com mente vazia e sim com atenção e consciência plena, com mente aberta.

Minha sugestão é que você busque aprender uma coisa nova todos os dias. Como? Por meio de conversas com pessoas de diferentes meios, com ponto de vistas diferente dos seus, viagens, leituras, estudos de diversas maneiras e não necessariamente acadêmicos, e outras mais. Assim, além de ter assuntos mais relevantes para conversar com os outros, também se tornará uma pessoa mais interessante, influente, inspiradora, otimista e a possibilidade de conquistar resultados mais significativos e sucesso em todos os âmbitos da sua vida é imensamente maior.

Então, o meu convite aqui é que você escolha as pessoas com as quais convive e que possa contribuir com elas num processo de evolução constante e mútua, pois o impacto gerado nas relações é significativo, conforme constatado pelo cientista. Se o grupo que você convive hoje te empurra mais para baixo e não tem jeito de desvencilhar-se no momento (família, ambiente de trabalho), busque fora outros grupos que possam lhe acrescentar maiores aprendizados e que te levem a um nível mais alto. Isso tudo vai influenciar a maneira como você enxerga a vida e toma as suas decisões e à sua capacidade de ser feliz!

Cabe a nós  estabelecermos um filtro e ter consciência de que o aprendizado e o crescimento fazem parte da nossa natureza humana. Então, escolha aprender uma coisa nova todos os dias.

Muitas pessoas têm a sensação de mente vazia e se sentem completamente inúteis, sem motivação para viver. Em grande parte desses casos, o que falta é a percepção da própria importância no mundo, um propósito maior. Todos nós somos úteis , seja dentro de uma empresa, na família, para a sociedade ou em relação à sua própria sobrevivência. Caso a utilidade que você possui hoje não esteja lhe trazendo satisfação, pense em o que e como pode fazer  para mudar isso e ocupar a sua mente com atividades motivadoras.  É de extrema importância encontre algo que te faça se sentir verdadeiramente útil e ter um propósito na vida. O propósito é a motivação que faz com que o indivíduo saia da inércia e entre em ação, se sinta útil e importante no contexto da vida. 

Aqui na Meus Miolos, eu, Isabela Capelão utilizo ferramentas para auxiliar as pessoas a aumentarem o autoconhecimento, a encontrarem o seu propósito de vida, criarem objetivos e metas para conquistarem o que desejam,  a desenvolverem habilidades e a serem felizes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.