Tag - dicas de gestão do estresse

1
Biofeedback: equilíbrio entre mente e corpo
2
3 dicas para curtir o ano “na boa”.

Biofeedback: equilíbrio entre mente e corpo

cerebro-coracao

O Biofeedback cardíaco é uma ferramenta auxiliar na gestão do stress utilizada de modo complementar para verificação do nível de stress e tensão momentâneos e como a pessoa reage aos estímulos através da frequência cardíaca.

O treinamento de biofeedback cardíaco atua por meio da análise dos batimentos cardíacos e nos permite visualizar, na tela do computador, reações emocionais que ocorrem quando uma pessoa revive momentos de tensão, por meio de jogos interativos no computador e exercícios de respiração.

Proporciona aumento da consciência e da percepção das reações e sensações do corpo, aumento do controle emocional, redução de dores crônicas e tensões físicas, redução do stress, da ansiedade e da depressão, redução da insônia e hiperatividade, dentre outros benefícios.
O objetivo é alcançar a coerência cardíaca, que é o equilíbrio entre o corpo e a mente, resultando em mais qualidade de vida.

Isso é possível a partir do treinamento frequente: diário e semanal com o facilitador, que acompanha os resultados e direciona os exercícios, além de fornecer os resultados. A prática de 20 minutos por dia dos exercícios são suficientes para obter a coerência cardíaca (estado de equilíbrio).

No Espaço Meus Miolos já existe essa ferramenta disponível para auxiliar ainda mais nos programas individuais e em grupo da gestão do stress.

Saiba mais assistindo ao vídeo a seguir

3 dicas para curtir o ano “na boa”.

Fim de ano é uma época frenética, em que nós temos muitas funções, tarefas e atividades prazerosas, além do trabalho.É um corre-corre para dar conta de tudo até o final do ano para então tirar o pé do acelerador e iniciar o seguinte mais leve e com muitos planos.

Para iniciar o ano relaxado(a) e mantê-lo assim, separei 3 dicas anti-stress para você incluir na sua listinha e aplicar.

E vou explicá-las, ok?

Dentre muitas dicas que eu já postei e de muitas outras que ainda virão, separei especialmente essas 3 para hoje.

3 dicas anti-stress

1) Diga “não” com mais frequência.

Existem situações em que, por algum motivo: comodidade, por não querer contrariar outra pessoa, por educação, por querer ser bonzinho ou seja lá qual for o seu motivo (inclusive é interessante procurar entendê-lo. será mais fácil aplicar!), comece a dizer mais “não” para algumas demandas. Dessa forma, você estará administrando melhor o seu tempo e realizando mais o que é importante para você e menos o que se sente obrigado(a) a fazer.

2) Evite pessoas negativas.

O primeiro ponto desse item é identificar se você é a pessoa negativa, no caso. Se perceber que tem sido o elo mais negativo das relações, procure sempre pontos positivos nas situações e elogiar, agradecer ao invés de criticar ou reclamar. Esse ponto é primordial, senão as pessoas vão acabar se afastando de você.

O segundo ponto é identificar o que é negativo. Ás vezes acreditamos que o negativo é somente aquele que reclama ou pessimista, mas fique atento aos seus grupos e relacionamentos: são pessoas que mais lhe incentivam, que lhe acrescentam algo, que lhe inspiram ou o contrário?

Ah, e se você faz parte de grupos em que você é o mais evoluído, o mais forte, etc…. Então você está no grupo errado. Procure pessoas que estimulem o seu desenvolvimento e aumentem a sua energia.

3) Tenha sempre um plano B.

Se você tem um plano e não deu certo e você tem uma “carta na manga”, por mais que não tenha sido a melhor opção, conseguirá realizar e concluir a meta. Temos que nos prevenir, pois as coisas nem sempre são da maneira como planejamos. Imprevistos e urgências acontecem….e muito mais do que o esperado, e quando estamos preparados, a possibilidade de sairmos bem da situação é muito maior. Além disso, ter um plano B nos proporciona mais confiança e tranquilidade. Resumindo: ter um plano B é imprescindível.

Curtiu? Aplicou? Comente!

 

 

 

Copyright © 2014-2017. Desenvolvido por Atlas Design.